segunda-feira, 29 de abril de 2013

FRAUDE EM SC e RS NOS ÓRGÃOS AMBIENTALISTAS !!!

A Polícia Federal confirmou na manhã desta segunda-feira que cumpriu mandado de busca e prisão de um engenheiro ambiental de Florianópolis, suspeito de ter praticado crimes ambientais. Até as 9h30min, ele era o único preso na Operação Concutare em Santa Catarina. No Rio Grande do Sul, onde operação também foi realizada nesta madrugada, 18 pessoas foram presas, entre elas o secretário estadual do Meio Ambiente, Carlos Niedersberg.


Saiba Mais : http://diariocatarinense.clicrbs.com.br/sc/geral/noticia/2013/04/engenheiro-ambiental-e-preso-em-florianopolis-pela-policia-federal-4121432.html

Secretários do Meio Ambiente são presos em operação da Polícia Federal

Tarso Genro afasta o secretário de Meio Ambiente

Fortunati afasta o secretário do Meio Ambiente

Em Israel, Tarso foi avisado de prisão de secretário

Saiba quem são os presos por suspeita de fraude

A polícia federal confirmou até a metada desta manhã apenas as iniciais do engenheiro preso em Florianópolis. J.M.M é morador da rua Altamiro Guimarães, no Centro de cidade. Até as 9h30min, o governador do Estado, Raimundo Colombo, o presidente da Fatma, Gean Loureiro, e o prefeito da Capital, Cesar Souza Junior, informaram que não receberam nenhum comunicado da polícia a respeito da operação e da prisão do engenheiro. O governador detalhou também que o profissional não trabalha para o governo estadual.

A operação Concutare foi deflagrada com o objetivo de reprimir crimes ambientais, crimes contra a administração pública e lavagem de dinheiro nos estados do Rio Grande do Sul e Santa Catarina.

No estado gaúcho, já foram presos o secretário estadual do Meio Ambiente, Carlos Niedersberg, o secretário municipal do Meio Ambiente, Luiz Fernando Záchia, o vereador Nelcir Tessaro e o ex-secretário do Meio Ambiente Berfran Rosado em um total de 18 pessoas detidas até o momento.

Em coletiva, marcada para as 10h desta segunda-feira, delegados da Polícia Federal darão mais detalhes da operação. As ordens judiciais estão sendo cumpridas nos municípios de Porto Alegre, Taquara, Canoas, Pelotas, Caxias do Sul, Caçapava do Sul, Santa Cruz do Sul, São Luiz Gonzaga, no Rio Grande do Sul, e em Florianópolis, Santa Catarina.

Nenhum comentário: