quinta-feira, 28 de agosto de 2014

Maus-tratos em rodeio é apurado em Indaiatuba (SP)

27 de agosto de 2014


Festa de rodeio de Sumaré, uma das cidades acionadas pela associação
Festa de rodeio de Sumaré, uma das cidades acionadas pela associação
Depois de abrir inquérito em Hortolândia, onde pediu a proibição dos rodeios em perímetro urbano, o MPE (Ministério Público Estadual) também iniciou uma investigação em Indaiatuba, para apurar maus-tratos em animais nos eventos deste tipo na cidade.
O promotor Fernando Gós Grosso, de Indaiatuba, instaurou inquérito civil para averiguar maus-tratos e desobediência ao decreto estadual 40.400 de 1995, que proíbe a realização de rodeios e congêneres em área urbana.
A Associação Amor de Bicho Não Tem Preço protocolou denúncias no MPE de Americana, Sumaré, Indaiatuba, Paulínia, Jaguariúna e Hortolândia contra a realização das festas.
Em Jaguariúna e Americana, segundo o MPE, a representação da associação foi arquivada. Em Americana, segundo a ONG (Organização Não-Governamental), a argumentação foi de que “as denúncias estavam sem conteúdo”.
A Justiça de Paulínia proibiu a “utilização de instrumentos provocadores de maus-tratos contra animais, tais como sedéns de qualquer espécie, natureza e material, esporas de qualquer tipo, corda americana, choques, peiteiras, barrigueiras, sinos, laços e outros”.
A restrição ao uso dos materiais foi obtida por meio de uma liminar concedida pela juíza Maria Raquel Campos Pinto Tilkian Neves e há, ainda, um inquérito civil em andamento na cidade.
Conselho
Em Hortolândia, a associação protocolou no dia 22 uma nova representação no MPE solicitando a implantação imediata do Conselho Municipal de Proteção aos Animais, instituído pela Câmara em maio de 2012, mas que não teve os conselheiros nomeados.
“Gostaríamos que todos os municípios seguissem o exemplo de Hortolândia e proibissem os rodeios em áreas urbanas e os maus-tratos aos animais nesses eventos. Continuaremos protocolando denúncias onde houver registro dessas agressões aos animais”, afirmou a presidente da associação em defesa dos animais, Claudia De Carli.
Fonte: Todo Dia

Nenhum comentário: