quinta-feira, 28 de novembro de 2013

MANCHETES SOCIOAMBIENTAIS - 28/11/2013

Resumo diário de notícias selecionadas
dos principais jornais, revistas, sites especializados e blogs,
além de informações e análises direto do ISA
 
 
HOJE:
Biodiversidade, Energia, Estradas, Povos Indígenas, Unidades de Conservação, Sustentabilidade
Ano 13
28/11/2013

 

Direto do ISA

 
  Relatório mostra que 4% das unidades de conservação têm alto grau de implementação e gestão. Um quarto do total não tem um único funcionário e só 25% estão sinalizadas ou demarcadas - Direto do ISA, 27/11.
  Hutukara Associação Yanomami e ISA promoveram o IV Encontro de Xamãs Yanomami entre 10 e 14/11, na comunidade Serrinha, na região do Ajarani (RR). O evento reuniu 12 xamãs de diferentes lugares da TIY, além de convidados e moradores de comunidades vizinhas - Direto do ISA, 27/11.
   
 

Estradas

 
  "Estamos no caminho de desafogar um dos maiores gargalos do País", disse Renato Pavan, presidente da Macrologística. "É o começo de uma revolução em termos de transporte de safra", disse Paulo Fleury, presidente do Instituto Ilos. Para ambos, a concessão até Sinop é um sinal de que o governo pretende de fato dar um novo patamar para a logística do agronegócio e viabilizar os projetos previstos na região. A concessão, por exemplo, não apenas melhora o transporte para o Sul. Também viabiliza a chamada "saída Norte", a rota de escoamento da safra de grãos para a exportação saindo do Pará, onde está o porto hidroviário de Santarém, na margem direita do Rio Tapajós - OESP, 28/11, Economia, p.B6; FSP, 28/11, Mercado 2, p.3.
  "O sucesso no leilão da BR-163 no Mato Grosso confirmou o interesse da iniciativa privada em assumir um dos principais eixos rodoviários de escoamento de grãos do país. Com uma proposta de pedágio 52% inferior ao teto proposto pelo governo, a Odebrecht Transport vai cuidar, por 30 anos, dos 850 km daquela que também é conhecida como a 'rodovia da soja'. O desempenho pleno dessa concessão, no entanto, depende agora de dois passos fundamentais. O que o governo privatizou ontem é a parte mais nobre da BR-163. O trecho parte de Sinop, coração da produção de grãos do país. Falta agora resolver a situação das extremidades", artigo de André Borges - Valor Econômico, 28/11, Empresas, p.B2.
   
 

Energia

 
  A Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) promove hoje o terceiro leilão de petróleo e gás de 2013. O primeira voltada para o desenvolvimento das reservas brasileiras de gás em campos em terra. A concorrência reunirá sete bacias sedimentares nos Estados do Amazonas, Acre, Tocantins, Alagoas, Sergipe, Piauí, Mato Grosso, Goiás, Bahia, Maranhão, Paraná e São Paulo. O potencial de descoberta dos chamados recursos não convencionais de óleo e gás levou a concorrência a ser chamada de leilão do gás de xisto (shale gas), em alusão à exploração do shale gas nos Estados Unidos - OESP, 28/11, Economia, p.B5.
  Petroleiros entraram ontem na Justiça Federal do Rio com ação popular contra o leilão que a ANP realiza hoje. Na ação, a FUP argumenta que o leilão acontece antes que as regras para a exploração do gás não convencional sejam conhecidas. O ex-presidente da ANP David Zylbersztajn diz que é "muito estranho" fazer um leilão antes das regras. "Qual órgão vai regular? O Ibama? Os órgãos estaduais? Quais são as contingências ambientais? Quem vai fazer os gasodutos?" A questão é agravada porque o processo de extração do gás é questionado do ponto de vista ambiental - FSP, 28/11, Mercado 1, p.B6.
  Os sítios Pimental, Belo Monte, Canais e Diques, Bela Vista e a infraestrutura das obras da Usina Belo Monte, no Rio Xingu, em Altamira do Pará, estão 100% paralisados. Os 27 mil trabalhadores do empreendimento decidiram entrar em greve por melhorias trabalhistas na terça-feira. É a 17ª paralisação do empreendimento. - OESP, 28/11, Economia, p.B16.
  "O Brasil detém a sexta maior reserva de urânio do mundo, mas está privilegiando matrizes energéticas complementares como eólica e solar. O nosso país precisa tomar a decisão certa, com urgência, e optar por ampliar a nossa matriz energética com base nuclear. O Brasil, além dos recursos hídricos explorados quase em sua totalidade, tem para apoiar a sua matriz energética a energia eólica e a energia solar. Mas elas são apenas fontes complementares. E um país em franco crescimento como o nosso não pode calçar a sua escolha apenas em fontes sazonais. Elas são importantes, mas são alternativas. As usinas nucleares são as melhores opções", Antônio Muller, presidente da Associação Brasileira de Desenvolvimento das Atividades Nucleares - O Globo, 28/11, Opinião, p.23.
   
 

Geral

 
  Pesquisadores da PUC-RS descobriram uma nova espécie de gato selvagem no país. Suas populações estão concentradas nas florestas do Centro-Sul. Até agora, acreditava-se que estes felinos eram idênticos aos encontrados no Nordeste, que habitam áreas abertas, como a caatinga. O estudo, publicado na revista "Current Biology", usou marcadores genéticos para diferenciar as duas espécies de gatos selvagens. As populações nordestinas permaneceram com o mesmo nome (Leopardus tigrinus). Os felinos do Sul, agora, são conhecidos por Leopardus guttulus. O estudo é um exemplo do grande número de espécies ainda não conhecidas, mesmo em grupos em que supostamente a pesquisa está avançada, como os felinos - O Globo, 28/11, Ciência, p.36.
  O Bazar da Mata promove hoje uma degustação de pimentas Baniwa, cultivadas por comunidades indígenas do Alto Rio Negro. A iniciativa é do instituto Atá, que apresentará em primeira mão os resultados de testes e aplicações gastronômicas com algumas das 77 pimentas utilizadas pelos Baniwa. Onde. Loja Tidelli, Av. Pedroso de Moraes, 1.684, V. Madalena. Das 19h às 21h. Entrada gratuita - OESP, 28/11, Paladar, p.D7.
  O futuro político do deputado federal Jair Bolsonaro (PP-RJ) está nas mãos da ministra do Supremo Tribunal Federal Cármen Lúcia. Desde o último dia 25, ela analisa o inquérito em que a Procuradoria Geral da República denunciou o parlamentar por crime ambiental, pela prática de pesca amadora na Ilha de Samambaia, que faz parte da Estação Ecológica de Tamoios, em Angra dos Reis (RJ), unidade de conservação federal de proteção integral. O parlamentar tem casa na região e foi flagrado por um fiscal do Ibama pescando no local dia 25 de janeiro do ano passado. Se a ministra receber a denúncia, Bolsonaro passará a ser réu de uma ação penal e, caso seja condenado, se tornará inelegível - O Globo, 28/11, Rio, p.14.
  "Hoje, dos sete bilhões de habitantes do planeta, cerca de 800 milhões ainda passam fome, 1,2 bilhão não têm luz elétrica e 2,5 bilhões não possuem banheiro em casa. A população mundial gera 1,4 bilhão de toneladas de resíduos urbanos por ano. Mas só metade é recolhida. Em alguns países da África, da Ásia e da América Latina, não existe qualquer tipo de coleta de lixo. É legítimo sonhar com um mundo onde esse tipo de injustiça não seja mais registrado. Onde todos tenham condições mínimas para viver com conforto, segurança e saúde. Seria preciso que alguns alterassem os seus padrões de vida para que todos tivessem uma vida melhor. Impossível? Talvez não. Mas vamos precisar de outro tipo de pegada, muito diferente da que temos hoje", coluna de Agostinho Vieira - O Globo, 28/11, Economia Verde, p.28.
   
 
Imagens Socioambientais

Nenhum comentário: