sexta-feira, 12 de setembro de 2014

Cidade chinesa decide induzir a morte de 5 mil cachorros para combater a raiva

12 de setembro de 2014 às 6:00


Cachorros em abrigo em Hong Kong. (Foto meramente ilustrativa: Reprodução / CNN)
Cachorros em abrigo em Hong Kong. (Foto meramente ilustrativa: Reprodução / CNN)
As autoridades da cidade de Baoshan, na China, encontraram uma maneira absurda de combater a raiva: induzir a morte de quase 5 mil cães de rua. A decisão foi tomada após a morte de 5 pessoas por causa da doença (uma em julho e quatro em agosto). Ao todo foram 4.900 cachorros mortos e 100 mil vacinados durante a campanha anti-raiva.
Baoshan pertence à província de Yunnan, e as autoridades estão encorajando as cidades ao redor a fazerem o mesmo com seus cães de rua.
Infelizmente, essa não é a única vez que isso acontece na China como maneira de combater a raiva. Em 2009, 37 mil cachorros de rua foram assassinados na cidade de Hanzhon.
Nos últimos anos, a popularidade dos cachorros cresceu na China e muitas pessoas começaram a ter cães como bichos de estimação. Com isso, ativistas começaram a condenar esse tipo de campanha de morte induzida dos cães de rua e estão incentivando a vacinação.
Fonte: Portal do Dog

Nenhum comentário: