quarta-feira, 20 de janeiro de 2016

Caminhada em Defesa da Baia de Canasvieiras - Ana Echevenguá

Ana Candida Echevenguá, Manezinha da Ilha por opção

Uma terça-feira ensolarada de janeiro. Parecia dia de festa. Às 9hs30 saímos de casa: eu e minha amiga Áurea Martins. Fomos encontrando amigos pela rua... todos com o mesmo objetivo: participar da Caminhada e declarar seu amor à nossa Bela Canasvieiras... uma das maneiras que encontramos para tentar conter a destruição socioambiental de um dos locais mais belos do mundo.

Socioambiental porque a nossa economia local depende diretamente do turista que chega à Florianópolis-SC anualmente, atraído pela beleza singular das praias. E Canasvieiras é uma das mais procuradas. 

Mas, há anos, a reclamação é a mesma: falta de saneamento básico, esgoto in natura lançado nos rios que se comunicam com o mar. Enfim, uma série de irregularidades e ilegalidades praticadas a céu aberto, pra quem quiser ver e cheirar. 

E, há anos, discursos infundados, propostas de soluções pífias... tudo com a conivência dos órgãos públicos... Ou seja, a situação agrava-se, sem punição dos responsáveis e sem perspectiva de solução eficiente. 

Caminhávamos lado a lado, sorridentes e felizes, conjugando   o verbo ‘esperançar’. Sandra Petersen, Bel e eu vestimos a camiseta do SOS CANASVIEIRAS, relembrando os velhos tempos de luta pela praia limpa...

Enquanto isso, o carro de som contratado ‘tocava’ Rancho de Amor à Ilha - que se tornou o hino de Florianópolis-SC. E vários líderes comunitários tiveram oportunidade de passar o seu recado. 

Pessoas de Bem de vários pontos da Ilha juntaram-se a nós. Jurerê, Daniela, Ingleses, Pontas das Canas, sul da Ilha... gente do comércio e da pesca local. Ambientalistas de várias entidades atuantes na defesa dos nossos recursos naturais... 

Enfim, uma manifestação positiva e, acima de tudo, um ato político conscientizador, alegre e pacífico.

O recado foi dado. Cansamos de pagar regiamente por um serviço que não nos é entregue. Queremos a praia limpa! Sem esgoto nas águas e na areia... Para tanto, não podemos aceitar as ‘gambiarras’ que nos oferecem. 


É ano de eleições municipais... vamos valorizar nosso voto!

2 comentários:

ANA ECHEVENGUÁ disse...

Obrigada, Grande Professor e Ambientalista, por divulgar o meu trabalho! Precisamos salvar a nossa bela Baía de Canasvieiras! Um abraço.

ANA ECHEVENGUÁ disse...

Precisamos entender a relação do nosso voto com o que está ocorrendo!