quarta-feira, 12 de agosto de 2009

PROJETOS AMBIENTAIS PARA A ZONA NORTE DE SANTA MARIA, RS



Os vereadores Manoel Badke (DEM) e Maria de Lourdes Castro (PMDB), membros da Comissão de Educação, Saúde e Meio Ambiente da Câmara, participaram de uma reunião sobre projetos ambientais na Zona Norte de Santa Maria, que aconteceu no Escritório da Cidade na tarde desta quarta-feira (12).

A reunião abrangeu três tópicos principais relativos à conservação ambiental na cidade. No primeiro momento, o bispo Jubal Neves, da Igreja Episcopal Anglicana do Brasil, anunciou a equipe da Fundação MO’Ã como coordenadora da criação de uma Reserva Particular de Patrimônio Natural Municipal, que funcionará em uma área de propriedade da igreja, localizada na Vila Pércio Reis. A área deve ser colocada à disposição do município para atividades de lazer e de educação ambiental. As Reservas Particulares de Patrimônio Natural propiciam a conservação da diversidade biológica em áreas privadas e iniciam com um ato voluntário do proprietário, sem que haja perda do direito de propriedade.

O chefe do Escritório Regional do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), Tarso Isaía, falou da importância de criar unidades de conservação ambiental na cidade e da responsabilidade do poder público nestas obras. A apresentação “Unidades de Conservação na Região Centro do Rio Grande do Sul” foi feita pelo analista ambiental Heitor Peretti, que propôs ações do Ibama para a criação de Áreas de Preservação Ambiental (APAs), que envolvem os municípios de Santa Maria, Itaara e São Martinho da Serra. As APAs são áreas extensas, com certo grau de ocupação humana que visam proteger a diversidade biológica, bem como disciplinar o processo de ocupação a fim de assegurar a sustentabilidade no uso dos recursos naturais.

A ideia do Ibama é criar um mosaico de APAs interligadas, para receber, em pouco tempo, um aporte significativo de dinheiro federal, estadual e privado para proteger o ecossistema nos três municípios. O Ibama quer nomear as áreas de preservação do Vacacaí-Mirim, do Socepe e dos Morros de Santa Maria, e mais duas Unidades de Conservação, no Passo do Macaco e em Val de Serra.

Para finalizar a reunião, o geógrafo Batista Cruz Rodrigues apresentou sua monografia de especialização em Geociências intitulada “Mapeamento do uso do solo da APA do Vacacaí-Mirim”. A apresentação abordou a crise ambiental no município e os problemas sociais, econômicos e políticos que ela gera e, ainda, o processo de urbanização em áreas de preservação permanente.

Também estiveram presentes na reunião autoridades de instituições municipais, representantes de entidades ambientais e estudantes do curso de Geografia da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM).
************************************
FONTE : jorn. Vanessa Beltrame (texto e fotos)
Assessoria de Imprensa - Câmara de Vereadores de Santa Maria
Jornalista responsável: Renata Bianchini (MTb 11.916)

Nenhum comentário: