terça-feira, 25 de novembro de 2014

Gorila morre em trágico acidente no zoológico de San Francisco

25 de novembro de 2014 

(da Redação da ANDA)
Foto: Ecorazzi
Foto: Mariane Haler/Twitter
Uma jovem gorila morreu no Zoológico de San Francisco (EUA) no início deste mês, e o fato está sendo tratado como “um trágico acidente”. As informações são do Ecorazzi.
De acordo com uma porta-voz do zoológico, os funcionários estavam terminando o trabalho na sexta-feira, dia 7, e seguindo com os seus procedimentos usuais de fechar os animais em seus recintos noturnos quando, inesperadamente, Kabibe, a gorila mais jovem que vivia no local, teria disparado para debaixo de um portão hidráulico.
“Algumas mortes de animais são mais difíceis de se processar do que outras, e esta tragédia atingiu a todos nós da maneira mais profunda que se poderia imaginar”, disse a diretora executiva do San Francisco Zoo, Tanya Peterson, em um comunicado.
Kabibe, cujo nome significa “pequena dama”, tinha pouco menos de um ano e meio de idade, e vivia no zoológico desde que nasceu. A sua avó Bawang, de 34 anos, também vive no zoológico, e as duas eram inseparáveis.
Uma investigação sobre as causas do acidente está sendo conduzida. Segundo Abbigail Tuller, a porta-voz do zoológico, as políticas e procedimentos do local serão modificadas se for comprovado que elas desempenharam um papel na morte de Kabibe.
Mas a realidade é que Kabibe e todos os animais de zoológicos vivem em um ambiente artificialmente construído apenas para aprisioná-los e explorá-los em troca do lucro. Colocar um gorila dentro de jaulas para o entretenimento humano tem como resultado o sofrimento deste animal, seja psicológico, por passar toda sua vida em cativeiro, ou físico, como o que aconteceu, por exemplo, com Kabibe.

    Nenhum comentário: