terça-feira, 18 de julho de 2017

Encontro promove troca de informações entre agentes de conservação

Pelo terceiro ano, responsáveis técnicos de iniciativas apoiadas pela Fundação Grupo Boticário têm a oportunidade de conhecer a instituição e de se integrar com outros pesquisadores
Amanhã, dia 19 de julho, será realizado o III Encontro de Agentes de Conservação, em Curitiba (PR). O evento reúne 25 Responsáveis Técnicos das 36 iniciativas selecionadas no último ano (2016) pelos editais da Fundação Grupo Boticário de Proteção à Natureza, uma das principais instituições da iniciativa privada a apoiar projetos de conservação.
O encontro tem como objetivo estimular a integração e a valorização dos responsáveis pelas iniciativas apoiadas em andamento em diversos estados do Brasil. “Esse evento possibilita a aproximação dos selecionados nos editais, tanto com outros participantes, quanto com a própria Fundação. Recebemos ao longo do ano passado mais de 300 propostas e acreditamos que os selecionados merecem essa atenção”, destaca a diretora executiva da Fundação Grupo Boticário, Malu Nunes.
O Encontro de Agentes de Conservação também funciona como troca de experiência e de informações entre os convidados. Projetos realizados em uma mesma região, por exemplo, podem ser complementares e até mesmo ter seus resultados potencializados. É o caso do projeto “Reintrodução do Papagaio de Peito Roxo no Parque Nacional das Araucárias”, que tem como responsável técnica Vanessa Kanaan, da Espaço Silvestre.
Vanessa participará do evento neste ano e conta que outro projeto apoiado no ano anterior, que tinha como responsável técnica a pesquisadora Flávia Prestes, estudava a mesma espécie com diferentes ferramentas, mais focado na genética dos animais. “Esse compartilhamento de estudos foi o que viabilizou ajudar um número maior de animais. Por isso, vejo a troca de informações como algo essencial para os pesquisadores, mas mais ainda para a conservação das espécies ameaçadas. Atualmente, são poucas as pessoas envolvidas de fato na conservação dos papagaios no Brasil e esse colaboração é fundamental”, analisa.
Durante todo o dia, os convidados estarão reunidos em um workshop e também terão a oportunidade de visitar a fábrica do Grupo Boticário, em São José dos Pinhais. No dia seguinte, os participantes que tiverem interesse poderão visitar a Reserva Natural Salto Morato, localizada em Guaraqueçaba (PR), no litoral paranaense, e mantida pela própria Fundação.
“O encontro é uma forma de promover alinhamento entre toda a instituição e os responsáveis pelos projetos selecionados. Queremos criar uma sinergia e a melhor forma é realizando essa integração”, complementa Malu.
Estarão presentes no encontro também alguns membros da Rede de Especialistas em Conservação da Natureza que têm projetos apoiados pela Fundação Grupo Boticário, como Elenise Sipinski, responsável técnica pelo projeto “O papagaio-de-cara-roxa no litoral sul do Estado de São Paulo”; Fabiano Melo, que lidera o “Programa de conservação do Muriqui-do-norte em Minas Gerais”; e Paulo Antas, da “Avaliação da população e movimentação do ganso-corredor (Neochen jubata) e aves com reprodução colonial nas praias do Parque Nacional do Araguaia e entorno”.
A relação das 36 iniciativas aprovadas em 2016 nos editais da Fundação Grupo Boticário está disponível no Relatório Anual da instituição, nas páginas 53 a 61.
Apoio a projetos
Todos os 36 projetos aprovados em 2016 contemplam pelo menos uma das linhas temáticas exigidas pela Fundação no momento para a inscrição dos editais. São elas: Unidades de Conservação de Proteção Integral e Reservas Particulares do Patrimônio Natural (RPPNs), Espécies Ameaçadas, Ambientes Marinhos e Políticas Públicas.
Para 2017 o edital do segundo semestre continua recebendo inscrições e é possível concorrer em três categorias: ‘Apoio a Programas’, com abrangência nacional; ‘Biodiversidade do Paraná’, focado na natureza paranaense; e ‘Apoio a Projetos’, destinado a Áreas Úmidas. As inscrições ficam abertas até 31 de agosto, nositeda instituição.
Sobre a Fundação Grupo Boticário de Proteção à Natureza
A Fundação Grupo Boticário de Proteção à Natureza é uma organização sem fins lucrativos cuja missão é promover e realizar ações de conservação da natureza. Criada em 1990 por iniciativa do fundador de O Boticário, Miguel Krigsner, a atuação da Fundação Grupo Boticário é nacional e suas ações incluem proteção de áreas naturais, apoio a projetos de outras instituições e disseminação de conhecimento. Desde a sua criação, a Fundação Grupo Boticário já apoiou 1.510 projetos de 501 instituições em todo o Brasil. A instituição mantém duas reservas naturais, a Reserva Natural Salto Morato, na Mata Atlântica; e a Reserva Natural Serra do Tombador, no Cerrado, os dois biomas mais ameaçados do país. Outra iniciativa é um projeto pioneiro de pagamento por serviços ambientais em regiões de manancial, o Oásis. Mais informações: http://www.fundacaogrupoboticario.org.br/


MAIS INFORMAÇÕES / AGENDAMENTO DE ENTREVISTAS
41 3026-2610 / 41 99273-0719 / 41 99135-9541 / 41 99196-7701
centralpress@centralpress.inf.br
www.centralpress.com.br
   
Imagens

Projeto Mantas do Brasil foi um dos selecionados em 2016
Leo Francini
baixar em alta resolução


Vanessa Kanaan coordena o projeto "Reintrodução do Papagaio de Peito Roxo no Parque Nacional das Araucárias"
Vanessa Kannam
baixar em alta resolução

Nenhum comentário: