segunda-feira, 10 de maio de 2010

NEM TUDO ESTÁ PERDIDO NESTE MUNDO...


A Organização Bem-Animal deseja, hoje e sempre, que todas as mães do mundo animal sejam felizes, em especial aquelas mamães humanas que abriram seu coração para um focinho carente. Afinal, mãe é aquela que ama incondicionalmente, que dá a própria vida e liberdade ao seu protegido, que conforta as lágrimas e educa as travessuras, que se orgulha com uma conquista e chora amargamente com pequenas derrotas.

Nesse dia dedicado a essas pessoas maravilhosas, a história de um filhotinho sofrido que saiu das trevas carregado por anjos, e está, agora mesmo, dormindo no colo de uma verdadeira Mãe.

Um mês atrás. Patudinho, pêlos pretos, correndo ao redor do grupo de voluntários que levava comida, vez ou outra aventurando-se a pegar uns grãos de ração, o cachorrinho tinha um pouco de medo daquelas pessoas estranhas, mas logo depois de comer saiu correndo para brincar com os amiguinhos.

Ainda patudinho com os pêlos pretos, dessa vez, nada de correr nem brincar, os voluntários do mutirão não viam mais semblante do filhotinho espoleta que conheceram, à sua frente apenas um animalzinho se arrastando machucado. Graças a verdadeiros anjos, o pequeno foi retirado da aldeia de Maciambu e levado para tratamento veterinário. Nas radiografias, uma lesão na medula.

Biscuit observava tudo com um olhar sonolento. As patinhas traseiras ainda com feridas de se arrastar, mas dessa vez ele não está numa aldeia de terra batida, ele está no Aeroporto de Florianópolis, dentro de uma gaiolinha para cães. Biscuit está embarcando com chofer para Campinas, São Paulo, onde irá conhecer sua nova mamãe, que, nesse feriado especial, ganhou o melhor presente de todos: o amor incondicional de um filho de quatro patas.

O pequeno pretinho conseguiu uma casa depois de campanhas pela internet e muita ajuda de pessoas que se compadeceram de sua situação. Na semana de seu resgate, postamos informações no site da OBA!: “enquanto Biscuit permaneceu internado, recebendo cuidados intensivos, uma verdadeira corrente do bem se mobilizou para encontrar um lar amoroso e especial que o acolha. A sua estrelinha brilhou forte e uma pessoa maravilhosa, que mora no interior de São Paulo, ficou muito sensibilizada e tocada com sua história de vida, ainda tão breve e com tantas dificuldades. A nova mamãe do Biscuit já está se preparando para recebê-lo e se prontificou, inclusive, a ir até Campinas para buscá-lo no aeroporto.”

E realmente foi até Campinas. Mariana, de Itatiba SP, chegou cedo na cidade para esperar nosso sortudinho. Aqui em Floripa, Biscuit embarcou às 15h40, vestindo uma roupinha azul, num vôo com parentes de uma voluntária que por coincidência estavam indo para a região. O patudo dormiu o vôo todo, na área vip da aeronave. Chegando em terra, acordou a tempo de conhecer sua mamãe ainda no saguão. E já partiu com ela para um lar onde há de receber muito amor e carinho – tudo o que um cãozinho deseja.

Ele continuará recebendo tratamento e fazendo acupuntura, e possivelmente recuperará o movimento das patas, pois o rabo ele já consegue abanar – o que tem motivos de sobra para fazer. Porém, convenhamos, um filhote teve de quebrar a medula e ir até Itatiba para conseguir um lar. Será assim tão difícil fazer o bem? Todos os envolvidos na história garantem que não, adotar é fácil. Aliás, quem também está delirando de felicidade com a coisa toda é a Mariana, que ganhou um amigo todo especial.
**********************************
FONTE : www.obafloripa.org

Um comentário:

Mimirabolante disse...

Que história !!!!!