sábado, 27 de fevereiro de 2010

Deus x Darwin : façam suas apostas


Em março de 2010, estreia no Brasil o filme "Creation", que conta a história de Charles Robert Darwin, naturalista do século 19 e autor de "A Origem das Espécies". O livro descreve a base teórica do evolucionismo.

Do diretor Jon Amiel, com roteiro de John Collee, o filme terá em seu elenco Jennifer Connelly, Paul Bettany, Martha West, Jeremy Northam, Toby Jones e Benedict Cumberbatch. A película apresentará o pai do evolucionismo como um homem dividido entre o amor pela esposa e o dever com a ciência. Um romance para donas de casa que promete ser sucesso de bilheteria.

Recentemente foram divulgados os cartazes do filme. Em um deles, Darwin e um filhote de orangotango imitam a cena da criação pintada na Capela Sistina pelo renascentista Michelangelo.

A imagem, visivelmente provocativa, prenuncia a polêmica entre criacionistas e evolucionistas.

O criacionismo é a teoria que explica a origem do universo e das espécies por meio de uma inteligência superior e das escrituras sagradas. Os criacionistas questionam as evidências e os métodos científicos, muitas vezes usando a ciência contra ela mesma.

Apesar de o grupo ter a imagem vinculada aos protestantes norte-americanos, islâmicos e judeus ortodoxos também rejeitam a teoria de Darwin por contradizer o Gênesis e o Corão. Para um genuíno criacionista cristão, a Bíblia , vista como a palavra de Deus, é a explicação, não apenas para a diversidade dos animais do mundo, mas para questionamentos morais ou científicos que um ser humano possa conceber.

Do outro lado está o evolucionismo, teoria que defende a mudança de características hereditárias. Processo que, em teoria, provoca a diversidade das espécies de nosso planeta.

No livro "Além de Darwin", Reinaldo José Lopes aponta os motivos para que a teoria da evolução se sustente além dos laboratórios.

Afirma que a biologia é a ciência do século 21, a que concentra os resultados mais espetaculares, os maiores avanços e as repercussões mais amplas, além de se espalhar por vários aspectos da cultura e da sociedade contemporâneas. Da medicina à engenharia genética, dos alimentos modificados ao meio ambiente, das pesquisas com células-tronco à história da vida, tudo passa por ela.

Qualquer que seja a verdade, a disputa entre o evolucionismo e o criacionismo é um dos mais importantes debates ideológicos contemporâneos.
***********************************
FONTE : Folha ONLINE

3 comentários:

Suziley disse...

Bom dia, James:
Apostamos nos dois. Parece que a aparente contradição não significa exclusão de uma em detrimento de outra. Trata-se de um sofisma instingante diante do qual muitos debates têm se alongado no tempo e no espaço. Todavia, parece que permanecerá sempre apenas um sofisma. Boa dica de filme, gostei. Vamos assistí-lo. Obrigada.
Um grande abraço, :)
Suziley.

Lívia S. Franzoni disse...

Realmente adorei a dica do filme... Com certeza vou assisti-ló, afinal Charles Darwin além de um grande naturalista foi um grande precursor da nossa Biologia atual. Considero a Teoria da Evolução e seu livro "A origem das espécies" umas das grandes descobertas realizadas pelo homem.

Valeu pela dica... Adoro deu blog!!!

Anônimo disse...

se vc se enteressa por evolução e criação,veja como os dois são a mesma coisa ,veja que a teoria do homem ja foi escrita na biblia a muito tempo atras. leia e critique se quiser ou aplauda minha ideia
http://kassiopires.blogspot.com/2010/03/este-e-um-projeto-meu-em-que-eu-me.html