sexta-feira, 16 de fevereiro de 2018




Resumo diário de notícias selecionadas
dos principais jornais, revistas, sites especializados e blogs,
além de informações e análises direto do ISA


HOJE:
Água, Biodiversidade, Código Florestal, Garimpo, Patrimônio Genético, Política Socioambiental, Povos Indígenas, Produção Cultural, Saúde Indígena
Ano 17
16/02/2018


Povos Indígenas



Os dois sobreviventes do povo indígena Piripkura

Não é só estar diante do diferente e do incomum o que surpreende em "Piripkura", documentário sobre os últimos indígenas de uma etnia no noroeste do Mato Grosso. São índios isolados que escolhem manter-se à distância de tudo e todos que estão fora da floresta, falam a própria língua e nos observam com curiosidade. Quando os dois homens Piripkura somem rapidamente na trilha da mata fechada, nus, descalços e levando apenas um bastão com fogo, um facão e um machado, sente-se o que deve ser viver verdadeiramente livres - Valor Econômico, 16/2, EU& Fim de Semana, p.28.

 


Código Florestal



O STF e o Código Florestal

"O ministro relator, Luiz Fux, apresentou um voto técnico e equilibrado sobre uma ação declaratória de constitucionalidade e quatro ações diretas de inconstitucionalidade. O voto de Fux foi claro: “As políticas públicas ambientais devem conciliar-se com outros valores democraticamente eleitos pelos legisladores, como, verbi gratia, o mercado de trabalho, o desenvolvimento social, o atendimento às necessidades básicas de consumo do cidadão. Desta forma, não é adequado desqualificar determinada regra legal como contrária ao comando constitucional de defesa do meio ambiente ou mesmo sob o genérico e subjetivo rótulo de ‘retrocesso ambiental’, ignorando as diversas nuances que permeiam o processo decisório do legislador, democraticamente investido da função de apaziguar interesses conflitantes por meio de regras gerais e objetivas", artigo de Evaristo de Miranda - OESP, 16/2, Opinião, p.A2.

 


Produção Cultural



Arte na corte

"Nem só de Lava-Jato vive o STF. Pela primeira vez em seus 127 anos de história, o tribunal protagoniza evento artístico de peso: Cármen Lúcia abre, na segunda-feira, a exposição Amazônia, constituída de 18 fotos de Sebastião Salgado. O vernissage acontece na mesma semana em que a Corte discute o Código Florestal. A mostra é um preview de outras que o fotógrafo fará, em 2019, em Paris, Londres e NY. Único brasileiro a fazer parte da Academia de Belas Artes de Paris, Salgado decidiu doar ao Supremo todos os quadros expostos. Dois outros, que não serão exibidos, ficarão na sala da presidência do tribunal", coluna de Sonia Racy - OESP, 16/2, Direto da Fonte, p. C2.

 


Política Socioambiental



Marina aposta que rejeição à corrupção norteará campanha

"Porque estes governos, a primeira coisa que usam como moeda de troca é a agenda ambiental e indígena. Um governo que se elege com credibilidade e dizendo claramente o que pensa, será legitimado para fazer aquilo que o mundo está fazendo. Estive agora na Inglaterra e na Holanda e eles estão adaptando políticas públicas, e até mesmo as empresas, aos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável. No Brasil teremos que fazer a mesma coisa e não termos governos dispostos a trocar votos pelo futuro da Nação. No governo Dilma Rousseff reduziram-se unidades de conservação, no governo Michel Temer, a mesma coisa", entrevista de Marina Silva - Valor Econômico, 16/2, Especial, p.A12.

 

OUTRAS NOTÍCIAS

Lançado Guia sobre patrimônio genético
IPBES lança em março novos relatórios sobre o status da biodiversidade
Projeto de estudantes paraenses utiliza a água como forma de mudar realidades sociais
Expedição revela criaturas desconhecidas das profundezas da Antártica
Investigados definiam ‘meta de propina’ para liberar garimpos no Amapá, diz MPF
Indígenas ocupam sede da Funai em Altamira no Pará
Índios em MS ficam sem raio-X após fios de aparelho serem usados em furto da geladeira de posto
Hospital do Acre atendeu mais de 2,2 mil indígenas em 2017 em área adaptada

Nenhum comentário: