segunda-feira, 2 de novembro de 2015

Apresentador Jon Stewart abrirá um santuário para animais

02 de novembro de 2015 

REDAÇÃO ANDA
Jon Stewart se despede da comédia e vai abrir um santuário para ajudar os animais. (AFP Photo/Valiere Macon)
Jon Stewart se despede da comédia e vai abrir um santuário para ajudar os animais. (AFP Photo/Valiere Macon)
Depois de se despedir do seu papel de apresentador do programa “The Daily Show”, o comediante Jon Stewart revelou sua nova vocação – abrir um santuário para animais abusados em fazendas.
Stewart, que terminou seu influente programa do canal Comedy Central em agosto, foi honrado junto com sua mulher Tracey em uma festa de gala da Farm Sanctuary, que dá abrigo aos animais resgatados das fábricas exploradoras.
“Estou um pouco desconfortável. Passei os últimos vinte anos da minha vida submerso no mundo da mídia e de políticas em Washington e não sei como lidar muito bem com pessoas que sentem empatia”, Stewart disse em um banquete vegano no The Plaza Hotel, em Nova York.
Tracey Stewart, cercada por Jon e pelos filhos, anunciou que a família comprou uma fazenda em New Jersey para servir como santuário para os animais e como centro educacional.
Será o quarto centro de resgate que faz parte da Farm Sanctuary, que foi fundada em 1986 e já tem dois santuários na Califórnia e um em Nova York.  O casal não disse quando será a data de abertura.
O apresentador, que começou o programa dele em 1999, surgiu como uma consciência liberal que debocha dos políticos conservadores. Para muitos jovens, ele é uma das principais fontes de notícias.
Ele recorrentemente falou do bem-estar dos animais no programa, notavelmente ao criticar o governador de Nova Jersey, Chris Christie, por vetar uma proposta que baniria os porcos de serem confinados em caixas pequenas.
Tracey Stewart é conhecida pelas suas ações a favor dos direitos animais, publicando recentemente um livro sobre o assunto.
A Farm Sanctuary também honrou o Morrisey, cantor britânico conhecido por suas defesas aos direitos animais, mesmo que o cantor do Smiths, que começará uma turnê na América do Sul no mês que vem, não tenha ido a festa em Nova York.
O evento contou também com a participação do ator Jesse Eisenberg e do senador Cory Booker, de Nova Jersey, que se descreve como sendo o primeiro vegano do Senado americano.
*É permitida a reprodução total ou parcial desta matéria desde que citada a fonte (ANDA) com o link. Assim você valoriza o trabalho da equipe ANDA formada por jornalistas e profissionais de diversas áreas engajados na causa animal e contribui para um mundo melhor e mais justo.

Nenhum comentário: