terça-feira, 11 de outubro de 2011

Grupo EBX apoia campanha a favor do macaco muriqui para mascote das Olimpíadas

Pouco conhecido e em processo de extinção no Brasil, o macaco muriqui é o protagonista de uma campanha apoiada pelo Grupo EBX para que o primata, o maior das Américas, seja eleito mascote dos Jogos Olímpicos de 2016. Realizada em parceria com o Instituto Estadual do Ambiente (Inea) e a Secretaria de Estado do Ambiente (SEA), a iniciativa – com início previsto para o fim de outubro – tem como objetivo alertar para a importância da preservação da espécie que, atualmente, conta com apenas 1.300 espécimes na natureza.

O muriqui atinge 1,5 metro e 15 quilos na fase adulta e costuma usar o corpo como uma ponte para os filhotes passarem. Paulo Monteiro, diretor de Sustentabilidade da EBX, espera que as características dóceis do animal ajudem a campanha a ganhar força. Ele ressalta que a iniciativa também pode ajudar a divulgar o Corredor Ecológico do Muriqui, que preserva o macaco em uma área de 400 mil hectares compreendida entre os parques estaduais do Desengano e de Três Picos, no Estado do Rio, e conta com R$ 2,3 milhões em investimentos da empresa.

“Trabalhamos com o Corredor Ecológico do Muriqui desde 2008. Espero que a divulgação conscientize ainda mais para a importância da preservação dessa espécie com alto risco de extinção”, afirmou Monteiro, ressaltando que uma das propostas do corredor de biodiversidade localizado no coração da Mata Atlântica é aumentar as chances de reprodução e preservação do muriqui e de outras espécies.

*********************************

FONTE : Sarah Moraes, Analista de Mídias Sociais.

Nenhum comentário: