sábado, 26 de agosto de 2017

História e perspectivas do movimento ecológico gaúcho é a pauta do próximo Agapan Debate


Como avançar diante de um cenário político-econômico de ataque ao ambiente natural?

As constantes e crescentes investidas contra o patrimônio ambiental brasileiro e mundial demandam maior atenção e empenho de entidades ambientalistas e demais integrantes da luta em defesa do ambiente natural, que, em sua grande maioria, trabalham de forma voluntária e economicamente dispendiosa. Casos como a criminosa ação contra o rio Doce, que até hoje não puniu os culpados pela maior catástrofe ambiental provocada pela ação humana no Brasil, o desmatamento e o envenenamento do solo e da água provocados pela cultura agroindustrial brasileira, entre outros, nos apontam para a necessidade refletir sobre o atual estágio do ambientalismo praticado, em especial, aqui no Rio Grande do Sul e no Brasil. Rever a história do ambientalismo, que conta com o importante protagonismo da Agapan, desde 1971, e entender os desafios que vêm pela frente são fundamentais para qualificar e ampliar a mobilização em torno da luta ecológica.
É com base nessa premissa, percebendo a urgência ainda maior de organização da defesa ambiental na atualidade, que convidamos importantes especialistas da história, da comunicação e do ativismo ecológico para conduzirem o próximo Agapan Debate, a terceira edição de 2017, que será realizada no dia 11 de setembro no auditório da Faculdade de Arquitetura da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, às 17h.
A professora Elenita Malta Pereira, doutora em História, pesquisadora e autora de importantes estudos sobre história ambiental e social, e o professor de Jornalismo ambiental Roberto Villar Belmonte, mestre e doutourando pela Ufrgs, serão os palestrantes desta edição, que contará com a medição do presidente da Agapan, Francisco Milanez.
Confira, abaixo, mais detalhes sobre os integrantes da mesa e reserve essa data na agenda. A sua participação é muito importante nesse debate. Te esperamos lá.

Palestrantes:
Elenita Malta Pereira
A Agapan e suas lutas históricas durante o regime militar

Elenita é doutora em História pela Ufrgs. Atualmente, é professora no Departamento de História da Ufsc. Tem pesquisas na área de biografia, história ambiental e movimentos sociais. É autora de "Roessler: O homem que amava a natureza" (2013) e "A conquista da cidadania: Movimentos sociais na história do Brasil" (2015); organizadora de História Ambiental no Rio Grande do Sul (2014). Foi coordenadora do GT História Ambiental da Anpuh-RS entre 2012-2016. Mantém o blog A Voz da Primavera, dedicado a discussões sobre História, Natureza, Política, Cultura e Educação. 

Roberto Villar Belmonte
Os desafios do movimento ambientalista gaúcho

Roberto Villar Belmonte, professor de Jornalismo Ambiental do Centro Universitário Ritter dos Reis - UniRitter, doutorando no Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Informação da UFRGS e integrante do Grupo de Pesquisa Jornalismo Ambiental (CNPq / UFRGS).

Mediação
Francisco Milanez
Presidente da Agapan, biólogo, arquiteto, especialista em análise de impactos ambientais, mestre e doutorando em Ciências: Química da Vida e Saúde

Facebook

Serviço
Realização: Associação Gaúcha de Proteção ao Ambiente Natural (Agapan) 
Evento: Agapan Debate
Tema: História e Perspectivas do Movimento Ecológico Gaúcho
Dia: 11 de setembro de 2017
Hora: 17 horas
Local: Faculdade de Arquitetura da Universidade Federal do RS (Ufrgs)
Endereço: Rua Sarmento Leite, 320 - Centro, Porto Alegre - RS


Nenhum comentário: