sábado, 27 de janeiro de 2018

Governo intensifica informações sobre mosquito Aedes Aegypti

O Ministério da Saúde vai conscientizar a população sobre os perigos do mosquito Aedes Aegypti, agente condutor de doenças como a Dengue, Zika Vírus e Chikungunya. Com o objetivo de levar informações de forma acessível, o chamado Circuito Interativo de Combate ao Mosquito irá percorrer mais de 4.300 km, saindo de Brasília e passando por três capitais praianas do Nordeste, alertando a todos sobre o combate ao mosquito. A ideia foi idealizada pela agência de publicidade brasiliense Fields360 e está sendo produzida pela Formiga Design.
A região foi escolhida porque, segundo pesquisa publicada pelo próprio Ministério da Saúde, quase 20% de seus municípios estão em estado de risco, outros 43% estão em alerta e apenas 36% se encontram em situação satisfatória. Além disso, 2/3 dos focos de criadouro do mosquito Aedes Aegypti estão em domicílios – mais um motivo para levar a informação diretamente para a população.
A primeira etapa do Circuito é a Casa Cenográfica, onde telas de LED mostrarão mensagens educativas e histórias baseadas em relatos reais. Telas touch screen trarão mais informações sobre os sintomas e os tratamentos das doenças transmitidas pelo mosquito. O último ambiente terá uma tela com foto touch, na qual a pessoa registra sua presença e pode enviar a imagem por e-mail.
Na etapa seguinte, um tapete interativo irá levar o participante a situações onde ele irá se deparar com possíveis focos do mosquito, em uma casa virtual projetada em um painel. Conforme o participante escolhe no tapete uma das várias situações de foco, este será destacado no painel e serão apresentadas informações sobre como eliminá-lo da melhor maneira.
Toda a ação será filmada e, no final, um videocase será produzido e veiculado na internet, atingindo e conscientizando ainda mais pessoas.(#Envolverde)

Nenhum comentário: